Arte e Ciência – Iori Tomita

“O que mais me impressiona nas imagens e nas obras de arte de Tomita é a qualidade das cores: o azul e o magenta estão muito vibrantes. Fazem-me lembrar de um dos tipos de iluminações que eu mais sou fascinado: o NEON! Sem dúvida, eu ficaria horas olhando cada detalhe dessas peças únicas.” _Vinicius Reimberg Santos

O artista japonês Iori Tomita utiliza um método científico para transformar animais conservados em laboratório em objetos de arte.

Para conseguir o resultado, Tomita, que é formado em Ciências Pesqueiras na Universidade de Kitasato, modifica as proteínas do corpo dos animais com químicos, para deixá-los transparentes.

Em seguida, ele injeta um pigmento magenta nos ossos dos animais e um colorante azul em suas cartilagens.

Em seu site, o artista explica que o procedimento foi criado para permitir o estudo dos esqueletos dos animais.

Tomita diz que cria espécies transparentes ‘como objetos que farão com que as pessoas se sintam mais próximas das maravilhas da vida’.

Segundo ele, os objetos finais podem ser vistos como experimentos científicos, obras de arte e até como ‘uma porta de entrada para a filosofia’.

 

Fonte: BBC & G1

Fotos: Iori Tomita

 

See it also in ENGLISH!

“What impresses me most about the pictures and works of art Tomita is the quality of colors: blue and magenta are very vibrant. They reminded me of one of the types of lighting that I’m more fascinated: the NEON! Undoubtedly I’d be looking at hours every detail of these unique pieces. “_Vinicius Reimberg Santos

The Japanese artist Iori Tomita uses a scientific method to transform in laboratory animals preserved in objects of art.
To get the result, Tomita, a graduate of Fishery Sciences at the University of Kitasato, modifies the body’s proteins from animals with chemicals to make them transparent.
Then he injects a magenta dye in the bones of animals and a blue dye in their cartilage.
On its website, the artist explains that the procedure was created to allow the study of the skeletons of animals.
Tomita says that species creates transparent ‘as objects that will make people feel closer to the wonders of life. “
He said the final objects can be seen as scientific experiments, works of art and even as ‘a gateway to philosophy’.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s